2 de julho de 2019
Voando alto nas férias
Marina Bártholo por Marina Bártholo

O mês de julho não é um período muito otimista nas vendas em muitos setores, mas é possível aprender estratégias com quem está em alta e impulsionar os negócios

O inverno chega trazendo as férias escolares, período propício para programas em família dentro e fora de casa. O mês de julho não costuma ser dos mais fortes para grande parte do comércio, mas guarda oportunidades para lucrar. Embora o momento ainda seja delicado na economia, a experiência mostra que os clientes não têm deixado de consumir, mas escolhem opções que caibam no bolso. Então, o essencial é desenvolver a melhor estratégia para incentivar o público.

Férias são sinônimo de viagem e, ainda que a alta temporada aqueça esse setor naturalmente, empresas do ramo precisam ser criativas para impulsionar as vendas. É o que tem feito a Decolar, maior empresa de viagens on-line do Brasil e América Latina. A empresa criou táticas para alavancar o consumo que podem servir de inspiração para muitos tipos de comércio.

 Para montar a estratégia ideal para o período, Alexandre Moshe, diretor geral da Decolar, explica que é importante olhar para o cenário geral. Por exemplo, ele conta que os brasileiros não estão deixando de viajar, mas que o destino da viagem pode mudar de acordo com o momento econômico. “A alta do dólar impulsiona o turismo nacional, da América do Sul e até mesmo da Europa. Já com o câmbio mais baixo, o brasileiro fica mais confiante para sair do país em direção a cidades da América do Norte”, conta.

Ações inovadoras podem fazer a diferença na captação de clientes. “Uma ação que estamos promovendo neste inverno e desde o segundo semestre de 2018 é a oferta de charters, que são voos fretados pela Decolar, com período e destino específicos, que promovem uma experiência mais completa e um valor mais atrativo”, exemplifica. Para esta temporada de inverno, serão seis voos, com partidas semanais entre São Paulo e Bariloche, na Argentina.

Outra tática é a segmentação, a exemplo da criação do Escapadas, uma plataforma de pacotes da Decolar voltada para quem quer fazer viagens curtas. Essa ferramenta unifica as principais opções de data em que o cliente quer viajar com as melhores ofertas, com base no custo-benefício. Essa modalidade também traz benefícios exclusivos, como late checkout, acesso livre ao spa, jantar de cortesia, welcome drink, ingressos para parques aquáticos, upgrade de quarto, entre outros. “Disponibilizar esses benefícios é uma forma de oferecer proposta de valor tanto para os viajantes quanto para os parceiros da Decolar, que hospedam nossos clientes e ainda geram fluxo para seus negócios”, analisa Moshe.

Promoções – Um preço atrativo também alavanca as vendas. O aniversário da Decolar cai justamente no mês de julho, então as ofertas de aniversário coincidem com o período de férias.  Para o aniversário de 20 anos, os descontos chegam a 50%. “Isso também está incentivando ainda mais as viagens para destinos específicos, que podem ser consultados diretamente em nosso site”, comenta Moshe.

A variedade é outra forma de alcançar diferentes bolsos. No caso da Decolar, que oferece de passagens aéreas a hospedagem, é possível seguir vendendo mesmo quando o público está disposto a economizar. “O brasileiro é criativo e gosta de viajar. Em plataformas como a Decolar, é possível encontrar opções para todos os tipos de gosto e bolso; a viagem acaba saindo de qualquer forma”, afirma.


Top 5 de destinos nacionais preferidos dos brasileiros para passar as férias de julho

São Paulo
Fortaleza
Rio de Janeiro
Maceió
Natal

Dicas estratégicas para vender melhor em julho

Analisar o cenário.
Ações inovadoras.
Segmentação.
Benefícios.
Promoções.
Variedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *