20ª edição

Pesquisa mostra que ações de comunicação nas redes sociais e WhatsApp trouxeram mais resultados de vendas do que campanhas tradicionais

 varejo_numeros3

Em janeiro de 2018, o internauta brasileiro gastou, em média, 9 horas e 14 minutos por dia conectado à internet, segundo dados da consultoria We Are Social, o que dá ao país o título de terceira nação mais conectada do mundo, na frente de países como Estados Unidos, Canadá e França. Nas últimas décadas, a internet mudou o comportamento das pessoas, causando uma verdadeira revolução na maneira como interagem, leem notícias, se divertem e, sobretudo, consomem produtos e serviços.

As possibilidades na forma de pedir uma pizza, chamar um táxi ou agendar uma consulta mudaram: tudo pode ser feito na palma da mão, com o uso de aplicativos de celular. Antenadas às mudanças tecnológicas e aos novos modelos de negócio que essas plataformas proporcionam, muitas empresas enxergaram a oportunidade de se relacionar diretamente com seus públicos-alvo e utilizar estratégias digitais para alavancar seus negócios.

Um levantamento realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostra que 35% dos empresários utilizam algum tipo de tecnologia para aumentar as vendas. Entre os entrevistados:

 

 

– 10% afirmam que anunciam seus produtos em marketplaces, sites que permitem a negociação on-line de produtos entre lojistas e público final, como Mercado Livre e OLX.

– 9% fazem uso de novas tecnologias de pagamento, como PayPal e PagSeguro. Já 8% afirmam que disponibilizam catálogos virtuais de informações que ajudam os clientes a conhecer melhor os produtos.

– 8% utilizam softwares de gestão de vendas.

– 2% usam tecnologias mais inovadoras, como ferramentas de inteligência artificial, QR code e bot/assistentes virtuais.

 

49% dos empresários também realizam ações ou campanhas de comunicação para aumentar as vendas da empresa e os três canais mais utilizados são digitais: perfil nas redes sociais (60%), mensagens pelo WhatsApp (40%) e internet (27%).

 

Ações nas redes sociais e WhatsApp trouxeram mais resultados que campanhas tradicionais

De acordo com os dados da pesquisa, as campanhas de comunicação em meios digitais foram mais bem-sucedidas em termos de venda, inclusive se comparadas aos meios tradicionais. Segundo os empresários, as ações que trouxeram melhores resultados nos últimos seis meses foram em:

 

– Redes sociais (39%).

– Mensagens pelo WhatsApp (17%).

– Internet (16%).

– Panfletagem (10%).

– Rádio (7%).

– Carro de som (7%).

 

Metade dos entrevistados (49%) afirma investir mensalmente em campanhas publicitárias na internet. O investimento mensal médio das empresas com internet e tecnologia para promoção de vendas é de R$ 680.

 

Cerca de 39% das empresas possuem estratégia de marketing digital, que é realizada principalmente pelo próprio empresário (57%), por agentes freelancers (6%), por profissional ou equipe para essa atividade (6%) e por meio de uma agência digital (5%).

 

 

WhatsApp: o meio mais utilizado para se relacionar com os clientes

Os meios de contato mais utilizados para se relacionar com clientes no dia a dia são WhatsApp (71%), redes sociais (60%) e telefone/telemarketing (33%).

Nove em cada dez entrevistados consideram o WhatsApp importante ou muito importante como opção de comunicação com os clientes (90%) e as principais maneiras de utilização dessa ferramenta para se comunicar com o cliente são esclarecimento de dúvidas (57%), mostrar novos produtos e serviços (50%) e envio de ofertas promocionais (45%).

 

– 56% enviam mensagens semanalmente pelo WhatsApp.

– 70% já realizaram vendas pelo app.

 

 

Facebook e Instagram: principais redes sociais da micro e pequena empresa

Considerando as empresas que possuem perfil nas redes sociais, 92% têm Facebook e 50%, Instagram. Outras redes, como Google Plus, Twitter, YouTube e LinkedIn, têm pouca representatividade, todas com menos de 3% de presença nas micro e pequenas empresas.

Em média, as empresas postam até 2,5 vezes por semana em suas redes e os tipos de conteúdo publicados são informações sobre produtos e serviços (72%), promoções (54%) e dicas diversas (24%).

 

Quatro em cada dez empresários percebem que os clientes interagem com sua empresa com muita frequência nas redes sociais.

shares