9 de outubro de 2018
Vale a pena investir em inbound marketing? 
Varejo SA por Varejo SA

Por Vinicius Guimarães/TRAY

 

Apostar em conteúdo relevante para atrair seu cliente ideal ajuda nas vendas e fortalece sua marca

 

dica_varejo_outubro18-01

O inbound marketing baseia-se na ideia de criação e compartilhamento de conteúdo voltado para um público-alvo específico, para conquistar a permissão de comunicar com seu potencial cliente de forma direta, criando um relacionamento que pode ser duradouro.

Tudo isso pode acontecer com a ajuda de um bom conteúdo. Esse modelo de marketing digital é hoje um dos mais importantes para quem deseja alavancar seus números com a ajuda da internet. No entanto, para que funcione, é preciso entender bem o que está sendo feito. Assim, o TAG traz sete dicas para conquistar melhores resultados. Confira!

 

  1. Conheça a jornada de compra da sua persona

Dividida em quatro etapas – aprendizado e descoberta, reconhecimento do problema, consideração da solução e decisão de compra –, essa jornada aponta todas as fases pelas quais o público passa antes de se tornar cliente de uma empresa, por isso é tão importante entender cada uma delas e o tipo de conteúdo e de oferta que pode ser apresentado, bem como ter boas personas.

 

  1. Crie e mantenha um blog

marketing de conteúdo é um dos pontos mais importantes da web e o melhor jeito de investir é por meio de um blog. Com ele, a empresa pode tornar-se uma autoridade em um segmento de mercado, ganhar mais relevância nos resultados de busca do Google e criar novos pontos de comunicação on-line com a audiência. No entanto, é preciso ter cuidado: além de bem escrito, o conteúdo precisa estar em constante atualização.

 

  1. Ofereça conteúdos ricos

Capazes de migrar uma pessoa da fase de reconhecimento do problema para a de consideração da solução, dentro da jornada de compra, os conteúdos ricos, como e-books, webinars e infográficos são aqueles tipos mais extensos e completos, ofertados para a audiência em troca de alguma forma de contato, como e-mail e telefone.

 

  1. Invista também em conteúdo de áudio e vídeo

O cenário de podcasts também tem mostrado não apenas o aumento do consumo desse tipo de mídia, como também seu poder com o público, ou seja, além de posts em blog e e-books, vale a pena investir em conteúdo de áudio e vídeo nas estratégias de inbound marketing.

 

  1. Produza uma (boa) landing page

Ao contrário de uma página tradicional do site, as landing pages têm como foco a conversão do usuário e, por isso, não contam com um menu rebuscado nem outra forma de saída daquele visitante que não seja por meio de um cadastro. Entretanto, para que essa página de fato funcione, é preciso que seja bem desenhada.

 

  1. Aposte no e-mail marketing

Apostar em uma boa estratégia de e-mail marketing pode aumentar as vendas, porém é preciso planejar e produzir muito bem tanto o conteúdo da mensagem quanto o disparo. Uma das formas é investir em plataformas profissionais de criação e disparo de e-mail marketing, como a RD Station e o Mailchimp, que contam, inclusive, com versões gratuitas para teste.

 

  1. Segmente e nutra seus leads

É importante desenvolver uma boa segmentação e estratégia de nutrição de leads para o e-commerce. Com a primeira, podem-se criar mensagens diferentes para cada tipo de persona e, até mesmo, com base no estágio da jornada em que ela está naquele momento. Além disso, é possível, com um bom planejamento de nutrição, alimentar aquele lead até que ele, de fato, se torne um cliente do e-commerce.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *