4 de julho de 2019
Paraíba tem nova frente parlamentar
Varejo SA por Varejo SA

A Assembleia Legislativa da Paraíba instalou, no dia 27 de maio, a Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico. A solenidade contou com a presença de representantes do governo estadual, federal, prefeitura e Câmara Municipal de João Pessoa, parlamentares estaduais, além de representantes de entidades dos setores comercial, turístico e econômico da Paraíba.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de João Pessoa, Nivaldo Vilar, e o vice-presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas da Paraíba (FCDL-PB), Robério Arnauld, também participaram da solenidade. “Vamos trabalhar lado a lado com a frente. Entre as discussões propostas, estão o cancelamento de voos, o fechamento de postos de emprego, a qualificação de mão de obra e a geração de emprego e renda. Também foram debatidas a desburocratização e a redução da carga tributária”, declarou Vilar.


A mesa dos trabalhos foi presidida pelo deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB), com a participação de Gustavo Feliciano, secretário estadual de Turismo; Sebastião Flávio de Araújo, secretário do Trabalho, Produção e Renda de João Pessoa; o deputado federal Efraim Filho (DEM); o vereador Thiago Lucena (PMN); e os deputados estaduais Wallber Virgulino (Patriota), Cabo Gilberto (PSL), Anderson Monterio (PSC) e Pollyanna Dutra (PSB), vice-presidente da frente parlamentar.

Na abertura dos trabalhos, o deputado Eduardo Carneiro lembrou que um dos objetivos da frente é promover ações que incentivem a geração de emprego e renda, tendo como base as potencialidades locais. Ele lembrou que um dos problemas que travam o desenvolvimento econômico de um estado é a criação de algumas leis e que muitas delas precisam ser reformuladas. “Além da criação de leis que causam esse problema, existem algumas que já foram criadas e precisam ser reformuladas na legislação estadual. Então, é fundamental, por exemplo, a redução da carga tributária, que não pode ser alta, principalmente em momentos de dificuldades econômicas. Temos que reduzir”, observou.

Para o deputado federal Efraim Filho, é importante fortalecer essa parceria por meio da irmandade parlamentar em nível federal e estadual. “O setor produtivo precisa ter essa interlocução do Poder Legislativo, porque por aqui passam as leis que têm vigência no nosso estado. Às vezes, são leis com uma boa ideia, uma boa-fé, mas que acabam não surtindo o efeito necessário, geram burocracia excessiva e atrapalham a vida de quem quer produzir”, declarou.

O secretário estadual de Turismo, Gustavo Feliciano, considera fundamental a criação da frente. “Nós temos aqui deputados estaduais e diversas entidades representativas para discutir soluções mais realistas e cabíveis para o nosso setor produtivo. O governo do estado tem feito um trabalho de fomento da economia, mediante o Projeto Empreender e a própria infraestrutura do estado, e se sobressai com relação a estados vizinhos. Muito nos satisfaz essa maneira democrática de a Assembleia Legislativa encaminhar essa discussão”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *