22ª edição
1-coluna-marcela
Inovar para crescer
10 de julho de 2018
tag_dica_0718-01
APLICATIVOS MÓVEIS: ESTRATÉGIAS MATADORAS PARA IMPULSIONAR SUAS VENDAS
10 de julho de 2018

Laboratório de Inovação do Varejo abre as portas em São Paulo

A iniciativa, liderada pela ABDI, conta com parceria do MDIC, CNDL e outras instituições

Mentoria, novas tecnologias, espaço de coworking e a previsão de promover mais de cem atividades e experiências nos próximos dois anos. Assim será o ProVa – Laboratório de Inovação do Varejo, iniciativa inédita na América Latina, que vai apoiar o setor varejista a desenvolver inovações. Inaugurado oficialmente no dia 7 de junho, é liderado pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e conta com o apoio do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), entre outras entidades.

O objetivo é estabelecer um ambiente de conexão, experimentação e inovação, dedicado a convergir ações e projetos de governo, entidades setoriais, empresas varejistas, start-ups e fornecedores. A CNDL compareceu à inauguração, representada pelo superintendente, Marco Antônio Corradi, e pelo gerente de Projetos e Eventos, Daniel Sakamoto. O ministro Marcos Jorge de Lima, do MDIC, também esteve presente.

Como parceiros do laboratório, a CNDL e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) pretendem aproveitar o espaço para eventos que possam proporcionar o desenvolvimento dos associados, com o MDIC e a própria ABDI. “Esse momento é oportuno para a inovação, pois no mundo inteiro o varejo busca novas experiências para o cliente. O laboratório é uma forma de testar o que há de mais moderno no setor e vai viabilizar um modelo de inovação para o Brasil”, afirmou o presidente da CNDL, José César da Costa.

O nome “ProVa” nasceu da expressão “pró-varejo”. A ideia da criação de um espaço físico para a elaboração de atividades focadas no desenvolvimento do setor varejista veio da necessidade de aumento da produtividade e da competitividade do setor. A meta é contribuir com o desenvolvimento e fortalecimento da inovação do setor frente aos inúmeros desafios que se apresentam, seja pelo dinamismo do mercado, seja pela velocidade com que o setor precisa se adaptar para atender às novas gerações de consumidores, cada vez mais exigentes.

Para o ministro, esta é uma iniciativa de vanguarda, que vai unir os setores varejista e industrial. “Pretendemos aumentar a integração entre os setores. No ProVa, as empresas poderão realizar testes, validações e desenvolvimento de novas soluções e tecnologias. Nosso objetivo é incentivar o aumento da competitividade do varejo brasileiro, além de criar modelos de negócio, desenvolver produtos e serviços, melhorar o atendimento e a interação com outros segmentos, como a indústria”, explicou.

O presidente da ABDI, Guto Ferreira, explicou que a ideia é apresentar soluções para os problemas enfrentados pelos lojistas. “Quem vier nos conhecer será apresentado ao que de mais inovador está sendo feito no mundo direcionado ao setor. Também teremos uma loja-conceito, em que o varejista poderá vender seus produtos no shopping por um período determinado”, disse.

Um levantamento feito pela consultoria Pieracciani com mais de 50 varejistas e formadores de opinião identificou os principais desafios do setor para inovar em lojas físicas. Qualificação da mão de obra, capacitação dos empresários, resistências culturais para a adoção de tecnologias, acesso a crédito e questões envolvendo a tributação foram os cinco pontos identificados, pontos focais de atuação do ProVa.

O espaço

Durante o lançamento, diversas start-ups já expuseram suas soluções para o setor. O laboratório está localizado no primeiro piso do Shopping Frei Caneca, em São Paulo. O ambiente vai contar com áreas de coworking, ilhas de tecnologia e espaço para eventos. Mais de cem atividades estão previstas para serem realizadas, como meetups, ciclos de design thinking, feiras e workshops. A expectativa é receber, durante o período, dez mil tomadores de decisão do varejo. Para participar do projeto, o varejista pode dirigir-se diretamente ao local ou entrar em contato com a ABDI ou MIDC, por meio das próprias associações varejistas.

Atividades

 

Na agenda de atividades previstas para o mês de julho, no dia 5 haverá evento com o tema “Inovação e experiência do consumo – como criar experiências marcantes aliadas à tecnologia”. Os participantes poderão entender melhor sobre conceitos gerais de inovação no varejo, cases de sucesso, estratégias e dicas práticas para criar experiências focadas nos clientes. Para o dia 12 de julho, “Otimização de estoque e eficiência logística” é o tema da atividade prevista.

 

Saiba mais sobre a estrutura e a agenda do ProVa no site www.provalab.com.br.

shares