11 de dezembro de 2018
De mãos dadas com o consumo consciente
Carolina Laert por Carolina Laert

Plataforma Welight possibilita a varejistas e consumidores gerar doações a partir de compras on-line

Não é mais tabu para o varejista falar sobre consumo consciente. O termo ganhou força no Brasil em 2009 e, de lá para cá, o comércio vai muito mais além das discussões sobre lucros e vem se adaptando para atender a um consumidor cada vez mais ligado nas reflexões socioambientais. Contudo,mesmo com o termo completando quase uma década, muitas pessoas – varejistas e consumidores – ainda não sabem que a prática do consumo consciente não está ligada ao fato apenas de fazer compras. É o que mostra a empresa Welight, plataforma de consumo consciente que possibilita a pessoas e e-commerces gerar doações a partir de compras on-line.

Recentemente, a Welight fez uma parceria com a loja Sal, Água & Alma (SAL), do surfista Pedro Scooby, e todo o valor das vendas da marca de acessórios masculinos será revertido em doação para as Organizações Não Governamentais (ONGs) Sea Shepherd – primeira ONG de proteção dos mares do mundo – e Instituto Novo Ser. Para o cofundador e idealizador da Welight, IanLazoski, o chamado “consumo com propósito” já existe e usa a tecnologia como forma de acelerar essas transformações e garantir transparência nos processos.

“Criamos a ferramenta Easy Impact(impacto fácil), uma solução para empresas que querem ajudar causas sociais e ambientais junto aos seus clientes: o consumidor ajuda a financiar ações e organizações sem usar o próprio dinheiro, ressignificando a experiência de consumo”, explica. A utilização da ferramenta é bem simples, segundo o idealizador: a loja define quais produtos vão gerar doação e qual será o valor doado por venda. Dessa forma, a cada venda, o estabelecimento realiza uma doação para as causas que o cliente escolher, sendo que todas as transações e repasses de dinheiro ficam registrados em um sistema de segurança pública, sem nenhum custo adicional para o consumidor.

Com mais de mil lojas e companhias aéreas participando da plataforma, Lazoski acredita que essa é uma oportunidade para que as empresas e consumidores setor nem agentes de transformação, simplificando os meios para apoiar financeiramente iniciativas alinhadas aos objetivos de desenvolvimento sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU). No entanto, de acordo com pesquisado Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), apenas 31% dos brasileiros entrevistados podem ser considerados “consumidores conscientes”, o que demonstra que o varejo pode e deve ser um agente transformador na mudança positiva desses hábitos.

Parceria consciente

De acordo com Lazoski, já é comprovado que grandes empresas globais atrelam iniciativas de impacto à experiência de compra dos consumidores ao aumento das vendas em até quatro vezes. “Os consumidores ficam mais estimulados a permanecer no carrinho sem abandonar a compra e tendem agastar mais, ou seja, o valor médio gasto pelos clientes é maior, aumentando a performance de vendas”. Além disso, o lojista também tem a certeza de que está contribuindo para transformações positivas, de forma transparente e efetiva, aumentando o valor da sua marca e aproximando-se ainda mais de seus clientes, conectados por um propósito.  

Como funcionam o site e o app Welight?

Antes de fazer as compras on-line, o cliente acessa o site ou baixa o app e verifica se a loja faz parte da rede Welight. Caso sim, ele clica no link da loja e faz sua compra normalmente. Para acompanhar os resultados do impacto positivo, basta se cadastrar no site Welight (www.welight.co). As doações ficam registradas no sistema da Welight desenvolvido em blockchain, garantindo transparência e segurança. As organizações que recebem os recursos também registram os comprovantes dos resultados que obtiveram com os investimentos que receberam. Tudo fica público e pode ser auditado pelos próprios usuários. Além disso, a plataforma oferece ao consumidor, pelo site e app, centenas de cupons de desconto das maiores lojas do Brasil.

Case de sucesso

Logo após o rompimento da barragem de Mariana,diversas cidades que dependiam do rio Doce ficaram completamente desabastecidas, sem água. A Welight, por meio de uma iniciativa criada e divulgada em um evento no Facebook, reuniu, em apenas uma semana, mais de R$ 60 mil, resultando em centenas de milhares de litros de água, ajudando a abastecer creches, asilos e comunidades que vivem em situação de vulnerabilidade social. 

Após o sucesso da campanha, alguns artistas, como Hamilton de Holanda, Diogo Nogueira, Arlindo Cruz e vários outros, abraçaram a causa e, com o apoio do Circo Voador, foi possível a realização de um show beneficente que contribuiu para que mais ajuda fosse levada para as regiões mais carentes e afetadas pela falta de água.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *