4 de maio de 2017
Arte e tecnologia
Varejo SA por Varejo SA

Duas exposições para transcender ideias e inspirar inovações

Vá ao museu sem sair de casa

Parceria entre MASP e Google dá acesso virtual à coleção do museu paulista

Já é possível visitar os corredores do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP) sem passar pela Avenida Paulista, onde está localizado o prédio histórico, que abriga obras do século 4 a.C. aos anos 2000, de artistas do mundo inteiro.

O MASP é o mais novo integrante do projeto Google Arts & Culture, iniciativa que proporciona uma experiência interativa com a arte. Pela tela de um telefone, computador, tablet ou smart TV, é possível conhecer pinturas e esculturas de vários períodos da criação mundial, incluindo ícones europeus, como Van Gogh, Monet, Picasso, Botticelli, Modigliani, Matisse e Renoir, bem como os modernistas brasileiros, como Anita Malfatti, Djanira da Motta, Lasar Segall, Di Cavalcanti, Volpi, Portinari, entre outros. São mais de mil peças em visitação virtual, que incluem seis exposições temáticas.

Realidade virtual – Os curadores do museu selecionaram 12 obras que foram digitalizadas com a tecnologia ArtCamera, dispositivo que permite visualizar detalhes que dificilmente seriam vistos a olho nu em imagens com altíssima resolução (mais de um bilhão de pixels).

Da telinha para o mundo – Obras de arte e grandes palácios e prédios históricos de Londres, Paris, Jerusalém, Egito, Itália, Japão, México, Estados Unidos, Índia, Cuba, China, Paquistão, Espanha, Itália e Rússia são parte do projeto Google Arts & Culture. Acervos e exposições temáticas enriquecem os espectadores virtuais e abrem janelas para mundos desconhecidos.

61064466_33945e0582_o


Sobre o MASP –
O museu privado foi fundado por Assis Chateaubriand e pelo crítico de arte Pietro Maria Bardi, em 1947. Os dois montaram juntos um acervo que foi considerado a maior coleção de arte europeia no hemisfério sul. O museu possui hoje mais de oito mil obras do mundo inteiro, de vários períodos. O prédio foi inaugurado em 1968 e idealizado pela arquiteta Lina Bo Bardi, que também criou cavaletes de cristal que, juntos, compõem o edifício bastante representativo do período modernista brasileiro.

Serviço:

Visita virtual – O museu pode ser acessado pelo site g.co/masp. A visita é gratuita. Um aplicativo traz mais detalhes e interatividade para a exposição e pode ser baixado na App Store, Google Play e Android.

Visita real

MASP
Endereço: Avenida Paulista, 1578 – São Paulo-SP
Horários: terça-feira a domingo: das 10h às 18h; quinta-feira: das 10h às 20h

Ingressos: R$ 30,00 e R$ 15,00. Entrada gratuita às terças-feiras, durante o dia todo, e às quintas-feiras, a partir das 17h.

 

Inovação e empreendedorismo

Brasil ganha exposição sobre Steve Jobs, criador da Apple

São Paulo recebe, a partir de junho, uma mostra que conta a história do empreendedor Steve Jobs, fundador da marca Macintosh, que depois transformou-se na Apple. A tecnologia do computador Apple 1, ideias, inspirações, experimentações e loucuras do empresário americano são contadas por meio de objetos, vídeos e textos. Jobs foi considerado um visionário que transformou a relação entre humanos e tecnologia, tornando-a mais intuitiva. Inovação, programação, vendas, consumo e o aspecto humano desse sonhador, que buscava expandir a mente por meio da espiritualidade e até pelo uso de drogas, viraram peças de museu, que poderão ser visitadas, no Museu da Imagem e do Som de São Paulo, entre junho e agosto. A exposição já passou pelo Rio de Janeiro, entre março e maio.

Serviço:
Museu da Imagem e do Som de São Paulo
Endereço: Avenida Europa, 158 – São Paulo-SP
Horários: terça-feira a sábado, das 12h às 21h; domingos e feriados, das 11h às 20h.
Ingressos: R$ 10. Entrada gratuita às terças-feiras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *