10 de julho de 2018
Aplicativo traz um shopping para a palma da sua mão
Varejo SA por Varejo SA

Por Letícia Bezerra

O Wishare, fundado por Juliana Maia Klein, funciona como um marketplace, unindo lojas e consumidores em um único lugar

 

jul_Inova_Wishare2

Lançada em maio deste ano, a plataforma Wishare já é conhecida como a primeira rede social de compras do Brasil. Em 2016, com apenas 21 anos, Juliana Maia Klein – fundadora e CEO da start-up – havia acabado de se formar em Administração, saindo da faculdade com ideias na cabeça e muita vontade de inovar. Com o crescimento do e-commerce no Brasil, a jovem viu a oportunidade de unir duas de suas paixões em um só lugar: moda e redes sociais. “A ideia surgiu quando percebi a ascensão de lojas presentes nas redes sociais e a dificuldade de concretizar suas compras por essas plataformas, pois necessitava fazer um novo cadastro nos sites e, em alguns casos, expor informações sigilosas de cartão de crédito via WhatsApp”, explica.

A CEO conta que, para desenvolver o aplicativo, passou por uma temporada de imersão no Vale do Silício, na Califórnia, principal fonte de inspiração para o empreendedorismo tecnológico. Após a viagem, Juliana idealizou um aplicativo em que seus usuários podem acompanhar as novidades do mundo da moda, comprar as últimas novidades com facilidade, descobrir lojas incríveis e seguir os lançamentos de suas favoritas em primeira mão. Assim como no Facebook e Instagram, no Wishare o usuário pode curtir, comentar e compartilhar, além de personalizar a sua timeline, que funciona como um shopping virtual, e encontrar marcas e produtos compatíveis com seu perfil. O desenvolvimento do aplicativo durou cerca de dois anos.

 

Tudo em um só lugar

jul_Inova_Wishare

O aplicativo, que foi lançado no Brasil já com 40 grandes marcas cadastradas – como Adidas, Nike e Converse –, atualmente conta com 150 contratos com lojas e mais de 12 mil usuários. A estimativa, segundo Juliana, é que até o fim do ano some 500 contratos e 100 mil usuários. O principal diferencial do Wishare – e o que o distingue de uma rede social comum – é que, dentro do próprio aplicativo, o usuário encontra o botão Comprar em todas as publicações das marcas. Ainda, o consumidor registra seu cartão, escolhe a forma de entrega e pronto, todo o processo de compra – da escolha da peça ao pagamento – acontece em um só lugar, sem burocracias.

Quem compra pode acumular vantagens ao indicar amigos, compartilhar conteúdos e interagir. A cada indicação ou compra, o usuário acumula pontos que podem ser trocados por presentes ou descontos nas suas próximas compras no Wishare. “Uma rede social de compras dá a oportunidade ao usuário de escolher o próprio conteúdo. No Wishare, ele sabe que o propósito da rede é relacionamento com suas marcas preferidas e aquisição de produtos”, afirma a CEO.

Para os varejistas, a plataforma é completamente gratuita, não sendo preciso pagar mensalidades ou taxas de adesão e não existindo limite de quantidade de cadastro de produtos. A cada venda realizada pela loja, a start-up fica com 20% do total. Outro ponto em destaque é que todas as transações são seguras e contam com os principais sistemas de antifraude do mercado. “Estamos focados em melhorar cada vez mais a experiência de compra em nossa plataforma e investindo cada vez mais em tecnologia para proporcionar isso ao nosso consumidor”, finaliza Juliana.

 

 

Confira algumas das vantagens de cadastrar sua marca no Wishare:

Marketing segmentado

Por meio das funcionalidades da plataforma, os comerciantes podem atingir pessoas com o perfil compatível com sua loja, que já compraram seus produtos e que têm interesses similares aos produtos que vende.

– Entenda melhor seus clientes

O Wishare disponibiliza informações e relatórios sobre a forma como seus clientes utilizam e interagem com seus itens, o perfil de quem compra seus produtos e em que época eles são mais procurados. Além disso, é possível receber um feedback instantâneo, com uma média das curtidas e compartilhamentos dos usuários.

– Maior número de vendas

Na plataforma, o varejista pode divulgar a marca, alcançar influencers e gerar maior interesse para os produtos. Ademais, o maior alcance e a venda direta e não burocrática são capazes de criar tendências, aproximando-se ainda mais dos consumidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *